Amistoso Seleção Feminina
23/10
Western Sydney Stadium
Amistoso Seleção Feminina
26/10
Western Sydney Stadium
Eliminatórias da Copa do Mundo
11/11
??:??
Arena do Corinthians, São Paulo
Ajude o Site!
Faça Uma Doação
(Qualquer Valor)

domingo, 26 de outubro de 1975

Elenco do Brasil nos Jogos Pan-Americanos 1975

.:: Brasil Medalha de Ouro ::.
Seleção Brasileira Olímpica Campeã dos Jogos Pan-Americanos, em 1975
Em Pé: Pitta (3º), Edinho (4º), Claudio Coutinho (5º), Bianqui (6º), Cléber (7º), Chico Fraga (8º), Zizinho (9º), Rosemiro (10º), Batista (11º) e Tecão (12º). Agachados: Mauro Campos (1º), Eudes (5º), Marcello Oliveira (7º), Cláudio Adão (9º) e Carlos (o último)
Crédit: www.terceirotempo.uol.com.br/Que-Fim-Levou/Pitta
VII Jogos Pan-Americanos Cidade do México 1975

Os Jogos Pan-Americanos de 1975 foram a sétima edição do evento multiesportivo, realizado na Cidade do México, no México, entre os dias 12 e 26 de outubro. O evento estava programado para ser realizado em Santiago, no Chile, mas um pouco antes houve o Golpe de Estado no Chile, em 1973 o que acabou fazendo que os jogos fossem transferidos para São Paulo onde estava tendo uma forte epidemia de meningite, fazendo novamente o evento ser realocado para a Cidade do México. (Fonte: wikipedia.org)

Em 1975, ocorria a sétima edição dos Jogos Pan-Americanos, torneio marcado pela única vez na história em que houveram dois campeões. A Seleção Brasileira conquistou a Medalha de Ouro na modalidade de futebol masculino, ao lado dos donos da casa, o México, em partida suspensa quando estava 1 a 1. A premiação, que foi dividida com os mexicanos, após empate no tempo normal e prorrogação, decidiram 'repartir' o título, ao invés de fazer a decisão por pênaltis, fato ocorrido por uma série de fatores, mas, um dos principais, por iniciativa de brasileiros, a edição teve dois vencedores.

O palco da grande final, foi o estádio Azteca, localizado na cidade do México, que contou com mais de 100 mil torcedores, no emblemático 14 de julho de 1975, em partida que foi paralisada duas vezes durante a prorrogação. Segundo o site RSSSF.com, o jogo foi temporariamente interrompido por oito minutos durante o primeiro período do tempo extra depois que um torcedor entrou no campo com a bandeira do México. Aos três minutos da segunda etapa da prorrogação, a partida foi novamente interrompida, mas, desta vez, devido a uma falta de energia elétrica, que não conseguiu ser solucionada por um longo período.

Depois do atraso, foi anunciado que a premiação seria dividida, e os jogadores de ambas equipes receberiam as medalhas de ouro em campo. No dia seguinte, o comitê organizador (depois de consultar a FIFA) anunciou que o jogo deveria ser repetido em 29 de outubro do mesmo ano. No entanto, a delegação brasileira já havia retornado ao Brasil, como naquele período o Panamericano era disputado por atletas amadores, os brasileiros argumentaram que um novo encontro seria inviável, já que aquela edição dos Jogos Pan-Americanos já tinham oficialmente fechado. Com isso, foi decretado o título para ambas as nações.

Mesmo com a regra olímpica da competição naquela época, a amarelinha contou com nomes que fizeram sucesso no futebol, como o goleiro Carlos, o zagueiro Edinho, o meia Batista e o atacante Cláudio Adão, apesar de todos serem apenas atletas amadores na ocasião. A equipe tinha caído no Grupo D da competição, ao lado de Costa Rica, El Salvador e Nicarágua e fez as partidas no Estádio Azteca, que tinha sido palco do terceiro mundial, cinco anos antes.

Na fase de grupos, a seleção brasileira confirmou o favoritismo contra todas as equipes, em especial, diante da Nicarágua, embate emblemático marcado pela maior goleada da amarelinha, 14 a 0. O resultado histórico, fez com que o Brasil fosse para a segunda fase da competição com muita força.

Após histórica goleada, o time goleou a Bolívia (6 a 0) empatou com Argentina (0 a 0) e novamente voltou a fazer um placar dilatado, marcando 7 a 0 em Trinidad e Tobago, garantindo seu lugar na decisão, onde o empate com o México, em 1 a 1, fez com que a medalha de ouro fosse dividida. Porém, a Fifa não considera esta conquista, pois a partida não terminou, mas a Odepa, organizadora dos Jogos Pan-Americanos, conta a medalha de ouro no quadro da entidade.

A edição de 1975, foi o segundo título de ambos os times naquela oportunidade. O Brasil, já havia conquistado o torneio continental em 1963, e o México, em 1967. Depois do ouro compartilhado, as duas seleções, carregaram a medalha mais cobiçada por mais duas vezes, os brasileiros em 1979 e 1987. Já os mexicanos, em 1999 e 2011, ambos contém quatro medalhas de ouro. O maior vencedor é a Argentina, conquistando o título em sete oportunidades. (Crédito: www.ocuriosodofutebol.com.br)
Participantes do Torneio de Futebol
Grupo A Grupo B Grupo C Grupo D
México (2º) Argentina (3º) Bolivia (6º) Brasil (1º)
Estados Unidos (12º) Canadá (8º) Cuba (5º) Costa Rica (4º)
Trinidad Tobago (7º) Jamaica (11º) Uruguai (10º) El Salvador (9º)
Nicarágua (13º)
Medalha de Ouro: Brasil e México; Medalha de Prata: Não Teve e Medalha de Bronze: Argentina;
Elenco da Seleção Brasileira - Brazil National Team Squad
Nome Completo Alcunha Clube
01 GK Carlos Roberto Gallo Carlos Ponte Preta/SP 6 2
02 LD Rosemiro Corrêa de Souza Rosemiro Remo/PA 7 1
03 ZA Roberto Franqueira Tecão São Paulo/SP 6 1
04 ZA Francisco da Silva
05 MC Francisco Fraga da Silva Chico Fraga Internacional/RS 6 1
06 MC João Batista da Silva Batista Internacional/RS 6 2
08 MC Carlos Eduardo Ribeiro Carlinhos Fluminense/RJ 2
09 AT Marcello de Oliveira Santos Marcello Atletico/MG 6 2
10 AT Cláudio Adalberto Adão Cláudio Adão Flamengo/RJ 6 10
11 MC Onofre Aluizio Batista Tiquinho Botafogo/RJ 2 1
12 GK José Carlos Pessanha Zé Carlos Botafogo/RJ 1
14 ZA Édno Nazareth Filho Edinho Fluminense/RJ 7 1
15 DF Alberto Raimundo Marques Alberto Leguelé Bahia/BA 6 1
16 AT Luis Alberto Pirola Luis Alberto Fluminense/RJ 3 4
17 MC Eudes Lacerda Medeiros Eudes Portuguesa/SP 6 2
19 MC João José dos Santos Santos Santa Cruz/PE 5 4
#? PE Olivio Pires Pitta Pitta Corinthians/SP 3
#? LD Mauro Campos Júnior Mauro Guarani/SP 5
#? ZA Carlos Bianque da Silva Bianque Santos/SP 2
#? AT Erivélton Martins Erivélton Fluminense/RJ 4 3
Coach: Thomaz Soares da Silva Zizinho Confederação Brasileira de Desportos
Capitão da Seleção Brasileira: Alberto Raimunod Marques, Alberto Leguelé
O Brasil foi Medalha de Ouro junto com o México. O Jogo não chegou a seu final;
Cláudio Adão foi o artilheiro da Competição com 10 gols marcados em 6 jogos;

Campanha Brasileira

1
14 de Outubro – 1ª Rodada – Estádio Azteca, Cidade do México
Brasil 3 x 1 Costa Rica
Vázquez (Contra)
Tiquinho
Cláudio Adão
Ficha Vicente Wanchope

2
15 de Outubro – 2ª Rodada – Estádio Azteca, Cidade do México
Brasil 2 x 0 El Salvador
Cláudio Adão
Edinho
Ficha

3
17 de Outubro – 3ª Rodada – Estádio Azteca, Cidade do México
Brasil 14 x 0 Nicarágua
Luis Alberto (4)
Santos (2)
Rosemiro
Erivélton
Eudes
Chico Fraga
Batista (2)
Marcello (2)
Ficha

4
19 de Outubro – 2ª Fase – 1ª Rodada – Estádio Azteca, Cidade do México
Brasil 6 x 0 Bolivia
Cláudio Adão (4)
Alberto Lehuelé
Erivélton
Ficha

5
21 de Outubro – 2ª Fase – 2ª Rodada – Estádio Azteca, Cidade do México
Brasil 0 x 0 Argentina
Ficha

6
23 de Outubro – 2ª Fase – 3ª Rodada – Estádio Azteca, Cidade do México
Brasil 7 x 0 Trinidad Tobago
Cláudio Adão (3)
Erivélton
Santos (2)
Eudes
Ficha

7
25 de Outubro – Disputa da Medalha de Ouro – Estádio Azteca, Cidade do México
México 1 x 1 Brasil
Héctor Tapia Ficha Cláudio Adão (Pen)

.:: Classificação Final ::.
Torneio Jogos Vitórias Empates Derrotas Gols Pró Gols Contra Posição
7 5 2 0 33 2
O Brasil Conquistou a Medalha de Ouro Junto com o México. A FIFA Não Concorda até hoje...

Brasil
Inscreva-se em Nossa Lista home Inscreva-se em Nossa Lista
Porque Deus amou o mundo de tal maneira, que deu seu Filho unigênito, para que todo aquele que Nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. (João 3.16)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou do Post?
Deixe um Comentário ou Sugestão
Sua Opinião é Muito Importante!

Postagens mais visitadas